VI Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente

VI Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente

A VI Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente aconteceu na última terça-feira (28/4) no auditório da E.M. Padre José de Anchieta, região central.

No evento, que tem como como objetivo garantir a implementação da Política Decenal dos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes, foram eleitos 10 delegados para representar o município na Conferência Regional.

Na mesa estiveram presentes: Carolina Porto, presidente da FUNDAC, Gabriel Soares, representante do Projeto Namaskar, Luis Gustavo Pereira, chefe de Gabinete, representando o prefeito, Solange Ribeiro, presidente do Conselho Tutelar, Marcio Candido, secretário municipal de Cidadania e Desenvolvimento Social, além de outras autoridades.

A abertura do evento contou com uma apresentação musical das crianças e adolescentes do projeto Namaskar, que utilizam materiais alternativos e tradicionais nos espetáculos.

Também foram votadas propostas para serem levadas à regional, assim como ampliação de programas de contra-turno nas escolas e criação do CAPS infantil.

Assuntos como a redução da maioridade penal e a participação dos jovens cada vez mais ativa foram discutidas na conferência.

Carolina Porto, Presidente da Fundação da Criança e Adolescente (FUNDAC), mencionou a importância da educação para os jovens.

“Violência se combate com educação e cultura”, afirmou Porto.

Cabo na Guarda Mirim de Ubatuba, Leandro Eugênio comentou que é muito importante participar dos eventos relacionados às crianças e adolescentes.

“É muito bom ter voz ativa e ser escutado pelas autoridades, assim podemos exercer nossos direitos e deveres”, disse Eugênio.

Representante do Projeto Namaskar, Gabriel Soares disse que as ações que ele pratica junto com a comunidade foram imprescindíveis para a formação dele.

“Depois que eu entrei no Projeto minha vida se transformou e, diferente de alguns amigos eu não me envolvi com drogas ou atividades ilícitas. Devo muito ao Namaskar”, complementa Gabriel.

 

Conf.Crian_-770x501